Segunda-feira, 24 de Novembro de 2008

   Descobri hoje que a minha cadeira está cravada de macacos por baixo da almofada (se fizerem questão no próximo vídeo apresento imagens do macaquedo), depois de algum tempo inconscientemente a raspar com as unhas nestes seres pensei cá para mim – caraças pá! Mas o que é isto que nunca mais acaba e que até nem sabe mal de todo, mas não liguei. Passado uns tempos quando dou por mim a colocar um ser da minha própria aldeia no estofo é que penso, - será? Não pode! Não me lixem! Virei a cadeira e lá estava a colónia de símios já num estado diga-se, improprio.

    Bom, basicamente era isto que vos tinha para dizer, não me estou a lembrar de mais nada que possa ter algum interesse para vocês, a não ser talvez o meu sucesso no meio feminino checo, e quando digo meu refiro-me pois claro aos portugueses! Minhas queridas portuguesas, nós só temos que vos agradecer pois o treino com que saímos de Portugal é de facto muito bom. Vocês são difíceis, mal encaradas, estão sempre à espera de uma conversa filosófica, gozam connosco, riem-se, riem-se com as amigas, desprezam-nos e mais um monte de coisas que vocês sabem tão bem.

Agora as checas não estão habituadas a isto, para elas o macho é um ser imóvel e mal encarado com um corpo insuflado que raramente abre a boca e quando o faz ou é para arrotar ou para enfiar meio litro de pivo lá para dentro. Não há nada mais bonito que ver um português (sempre confiante) a abordar ou namorar uma rapariga que saliva por um homem a sério à anos.

Minhas queridas, para bem da vossa saúde agarrem o homem português, nós já somos poucos e com simpatia e beleza destas moças brevemente ainda seremos menos.

    Uma rapariga dizia-me no outro dia – Ó António como é que um rapaz tão bonito e simpático como tu não tem namorada em Portugal? (isto é verdade, eu até escrevi no telemóvel para depois vos mostrar!) E eu disse,- não tenho porque elas não querem, elas têm o sonho de um príncipe encantado! e ela, - Essas portuguesas devem ser malucas de todo. E não é que são mesmo! Mas o que me irrita mais é quando vocês finalmente se decidem por um rapaz (o que é sem dúvida positivo) vai-se a ver a fronha do individuo e é sempre aquele gajo estiloso com cara de mau camisinha justinha e barba feita com alguns restos para o estilo, o gajo mais parvo é o que se safa melhor, não percebo.

   

   Mudando de assunto, tive uma das experiências mais bizarras da minha esta quinta feira, então não é que quando dou por mim estou no meio da discoteca a dançar mas a dançar à doida em cima de uma coluna, não se já tiveram esta experiência se não tiveram posso-vos dizer que é algo de surreal, é um misto de embaraço com outro misto de tentar não parecer embaraçado, o que é sem dúvida embaraçoso,e é também um espectáculo giro para quem observa lá de baixo. Para que não sabe dançar como eu é daquelas coisas que ficam e vão ficar. O nosso pensamento quando estamos lá, é que estão a olhar para nós, o que é errado, está-se toda a gente marimbando para ti e esta é a minha alegria. Depois acontece uma coisa gira, que é, o pessoal que se encontra nas outras colunas começa a fazer uma disputa de danças contigo ao ponto de poderes ter que desistir e descer e por vezes até aplaudir. Eu consegui lá estar cerca de 10 minutos o que é uma permanência excelente e só saí porque apareceu uma checa com um jogo de ancas incrível.

 

    Fui passar este fim de semana a Viena de Áustria ( João Alberto lá está o irritante de Áustria! Porque é que toda a gente diz Viena ...de Áustria!) e é sem dúvida uma cidade bonita, charmosa, ideal para ir com uma menina bonita, infelizmente esqueci-me de pôr o telemóvel a carregar e só consegui gravar um vídeo ainda no comboio, também se quiserem muito ver basta escrever Viena no youtube e ainda vêm mais coisas que eu.

Foi giro, principalmente por te nevado e estar um ambiente natalício muito aprazível, os gajos são muito limpos e asseados coisa que me Portugal começa a escassear.

   Até logo que se faz tarde, no próximo vídeo prometo umas meninas bonitas.

 



publicado por AntonioMarto às 22:42 | link do post

De Kika a 27 de Novembro de 2008 às 21:07
António, ainda bem que reconheces o belo trabalho que as raparigas portuguesas têm desenvolvido para com os meninos, vcs agr são prós.
É só para o vosso bem, os meninos até agradecem.
Estou ver que andas por aí mesmo a espalhar magia à séria, é mm assim tone, muito bem hehehe.

oh rainho temos que ir visitar o nosso antónio, n t cortes.

beijinhos


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

Shparty

De bolso?

O que levamos.

Coisas que acontecem

Com uma sandes mista no b...

Feliz Natal amigo.

Até já

O titulo é este.

Let's party!

O macaco na coluna.

arquivos

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

links
blogs SAPO
Brno